Janeiro 19, 2021

Turno Zero

Notícias Completas mundo

A linha entre “Missão: Impossível 7” e a ponte de 111 anos na Polônia – 30/07/2020.

Noruega faz uma exceção de quarentena para Tom Cruise continuar o filme

“Missão: Impossível 7” fala na Polônia. Curiosamente, o governo apóia o filme, enquanto muitos moradores não estão felizes com isso.

A história chegou a um ponto em que a produção enfrenta um obstáculo: uma ponte histórica de 111 anos.

O que nós sabemos:

Um novo capítulo da franquia com o ator principal Tom Cruise está em fase de pré-produção e seleciona os melhores locais para filmar. E os produtores querem isso porque querem explodir um pedaço da ponte na vila de Pilchowice.

O secretário da Cultura do governo polonês, Pawel Lewandowski, afirmou que a ponte foi desativada desde 2016, não tem valor cultural e que o filme ajudará a melhorar o turismo local.

Justificação:

Explicou Wirtualni Polska, Associação Comercial Polonesa:

“Eu não concordaria com o fato de que a Ponte Pilchowicki é um monumento. Está em ruínas e não tem valor. Nem todas as coisas antigas são monumentos. A lei afirma claramente que um monumento é apenas um que tem características sociais, artísticas ou culturais. Em arte e cultura o valor surge apenas quando existe um relacionamento entre um objeto cultural e as pessoas; portanto, se um objeto não é usado, não está disponível, não possui esse valor, portanto não é um monumento. apenas uma pequena parte será destruída durante as filmagens “.

Por outro lado, muitos moradores não gostaram nada disso e ficaram incomodados com o fato de o filme tocar em algo que é considerado importante para a vila.

O objetivo do protesto é alertar o governo de que a ponte de 111 anos é considerada um monumento cultural e deve ser preservada.

Para encerrar, Lewandowski disse esperar que os fundos do governo para revitalização e potencial apoio à produção reconstruam e reconstruam a ponte após as filmagens.

“Mission: Impossible 7” chegará aos cinemas em 19 de novembro de 2021.