A petição quer parar o filme com a filha de Michael Jackson como Jesus 04/04/2020

A petição, com quase 300.000 assinaturas até agora, busca impedir o lançamento do filme independente “Habit”, estrelado por Bella Thorne e Paris Jackson. No vídeo, a filha de Michael Jackson interpreta uma versão de Jesus.

Uma petição online afirma que “Christophobic” é uma produção que apresenta uma versão de “Lesbian Jesus”.

Segundo a Variety, o filme conta a história de uma garota da festa, interpretada por Thorne, que tem um fetiche por Jesus. Em vários momentos, a atriz Paris Jackson aparece como Jesus para ela.

No entanto, até o momento, não há informações nos anúncios de que a apresentação de Jesus seja lésbica.

Um novo filme blasfema de Hollywood, que descreve Jesus como uma mulher lésbica, deve ser lançado em breve.O filme “Habit” é estrelado por Paris Jackson, que interpreta o papel de “Jesus lésbico”. Lixo cristofóbico que está se espalhando hoje, mas que a sociedade aceita e elogia de alguma forma “, lê a descrição da petição.

As filmagens terminaram antes que os projetos parassem devido a uma nova pandemia coronavírus e está na fase de pós-produção. Até o momento, nenhuma data de lançamento foi anunciada.

O filme é dirigido por Janell Shirtcliff, e o vídeo também inclui Hana Mae Lee, Gavin Rossdale, Caroline D’Amore, Josie Ho, Andreja Pejić, Larissa Andrade, Libby Mintz, Jamie Hince, Ada Mogilevsky, Damon Lawner e Michael Suppes.

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

TURNOZERO.COM PARTICIPE DO PROGRAMA ASSOCIADO DA AMAZON SERVICES LLC, UM PROGRAMA DE PUBLICIDADE DE AFILIADOS PROJETADO PARA FORNECER AOS SITES UM MEIO DE GANHAR CUSTOS DE PUBLICIDADE DENTRO E EM CONEXÃO COM AMAZON.IT. AMAZON, O LOGOTIPO AMAZON, AMAZONSUPPLY E O LOGOTIPO AMAZONSUPPLY SÃO MARCAS REGISTRADAS DA AMAZON.IT, INC. OU SUAS AFILIADAS. COMO ASSOCIADO DA AMAZON, GANHAMOS COMISSÕES DE AFILIADOS EM COMPRAS ELEGÍVEIS. OBRIGADO AMAZON POR NOS AJUDAR A PAGAR AS TAXAS DO NOSSO SITE! TODAS AS IMAGENS DE PRODUTOS SÃO DE PROPRIEDADE DA AMAZON.IT E DE SEUS VENDEDORES.
Turno Zero