Novembro 27, 2020

Turno Zero

Notícias Completas mundo

Air Canada cancela 40% dos pedidos de jatos Boeing 737 MAX e Airbus A220

A Air Canada anunciou hoje (9) uma perda histórica e decidiu cancelar parte do pedido dos jatos Boeing 737 MAX e Airbus A220.

Airbus A220 – Imagem: Air Canada


A empresa anunciado hoje um prejuízo operacional de $ 785 milhões, devido a uma queda de 86% na demanda, em comparação com o terceiro trimestre do ano passado. Tudo isso por causa do coronavírus, que fechou fronteiras, inclusive com os vizinhos EUA. Para fazer frente à nova realidade, a empresa anunciou que está tomando diversas medidas para racionalizar sua frota, que incluem o cancelamento de pedidos.

A empresa anunciou que está adiando a entrega dos novos jatos Boeing 737 MAX e Airbus A220, que estavam programados para serem entregues em 2021 e 2022. Além disso, a empresa está cancelando o pedido de 10 MAX 8 e 12 jatos do modelo A220 , o que representa 40% das aeronaves ainda não entregues.

Mesmo com essas mudanças, a empresa reafirma que esses dois aviões serão “o coração de sua frota de corredor único, permitindo-lhe realizar voos domésticos transcontinentais e internacionais com países vizinhos, devido à sua economia e maior alcance”.

.js">

Com essa reestruturação e outras planejadas pela empresa, ela economizará US $ 3 bilhões em despesas de capital hoje até 2023.


Fascinado por aviões desde 1999, formou-se em Aeronáutica pela Cal State Long Beach e pela Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe da AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, tendo trabalhado na Avianca Brasil e Azul Linhas Aéreas. #GoBroncos #GoBeach # 2A