Fevereiro 26, 2021

Turno Zero

Notícias Completas mundo

Anitta revela que foi vítima de estupro na adolescência

No primeiro episódio da série de documentários “Anitta: made in Honório”, que estreou nesta quarta-feira no Netflix, a cantora brasileira revelou que foi estuprada por um garoto com quem teve um relacionamento na adolescência. “Eu tinha medo dele”, lembra Anitta.

“Nunca o expus em público. Sempre me coloquei em relacionamentos um tanto abusivos. Quando eu tinha 14 a 15 anos, conheci alguém. Eu tinha medo dele, ele era autoritário comigo, falava com autoridade. Eu era diferente quando Eu era adolescente, não era como sou hoje ”, lembra a artista.

Anitta lembra que, em certa ocasião, o menino “estava muito nervoso, muito estressado”. “Fiquei com muito medo das reações dele e acabei perguntando se ele queria ir a algum lugar só nós dois. Rapidamente, ao mesmo tempo, ele parou seu estresse e perguntou se eu tinha certeza. Eu disse que sim. Mas hoje Tenho certeza que disse sim porque tinha muito medo do estresse dele ”, explica.

A memória comove o cantor que, chorando, relata o ocorrido: “Quando cheguei lá, percebi que não era certo fazer aquilo por medo e disse que não queria mais. Mas ele não ouviu. Ele não disse nada. Apenas continuou fazendo o que queria. Quando acabou, saiu, foi abrir uma cerveja e eu fiquei olhando a cama cheia de sangue ”.

Por muitos anos, Anitta diz que foi a responsável pelo que aconteceu. E só recentemente ele parou de se culpar. “Eu sempre tive medo do que as pessoas diriam. ‘Como ela pôde suportar isso e ser tão sexual hoje, ser tão aberta, fazer tanto?’ Não sei. O que eu sei é que peguei o que vivi e transformei em algo para me fazer sair por cima, sair melhor ”, reconhece.

A vontade de superar o trauma e ganhar forças fez com que a jovem Larissa, verdadeiro nome da artista, criasse a generosa Anitta. Uma personagem que nasceu do seu “desejo e necessidade de ser uma mulher corajosa, que ninguém jamais poderia machucar, que ninguém poderia chorar, doer, que sempre havia saída para tudo”, confessa.

A mãe, Miriam Macedo, e seu irmão, Renan Machado, souberam do abuso quando Anitta os chamou “para conversar”. “Ela pediu pra gente nem olhar pra ela. Ela estava começando a boicotar a si mesma, pra não comer, pra não ficar feliz, pra criar defesas dentro dela pra sustentar esse segredo. Ela resolveu apagar, conta pra gente”, conta Renan .

Após a estreia do documentário “Anitta: made in Honório”, sobre a trajetória da cantora e seus dez anos de carreira, os fãs manifestaram seu total apoio. No entanto, os assessores da Anitta já disseram que nada mais será dito sobre o assunto.