Report Grand Championships: Legend of the Five Rings

Olá!

Depois de um tempo de férias por motivos de força maior, o Turno Zero está novamente de volta, e após o report de Star Wars: Destiny, agora temos o de Legend of the Five Rings! Vamos lá? 🙂

Campeonato Nacional 2018 (BraTEI)

No ano passado, com um total de 48 jogadores, tivemos pessoas vindas de várias partes do país prestigiar o jogo no evento nacional, que acontecia na Jamcom (Jogos analógicos modernos competitivos).

A comunidade pela primeira vez pode se conhecer pessoalmente e partidas incríveis foram travadas, culminando com a vitória do nosso honorável samurai Leão, Leandro Ferreira, vindo do Rio de Janeiro contra o representante Garça de Florianópolis, André Zorzo.

(Imagem retirada do report de 2018 do evento, pelo Olaria Dojo)

Anunciado o Grand Championship em 2019

Este ano, tivemos o esperado anuncio dos Grand Championships 2019, a possibilidade de termos um número maior de participantes que o ano anterior era altíssima e o hype para o evento só crescia.

O evento passou por alguns problemas de organização: a quantidade disponível de ingressos foi baixíssima, e uma mudança de local 3 dias antes do evento atrapalhou quem tinha se hospedado perto do local antigo. Por fim, o evento agora contava com um dia a menos.

Passando tudo isso, e já com “as cartas na mesa”, podemos dizer que o evento foi excelente.

O Expo Center Norte se provou mais uma vez um lugar excelente para sediar eventos deste porte, sem apertos e com tudo fluindo de maneira muito positiva, fez com que todos aproveitassem o evento.

A comunidade

Outro ponto positivo foi a sempre receptiva comunidade de L5R, que mais uma vez deu um show, sejam nos gritos de Banzai! seja no fair play. Trazendo uma leveza que dificilmente você encontraria em um torneio nacional de outros jogos.

E nem precisa comentar sobre o quanto é legal ver a lealdade da maioria dos jogadores aos seus clãs, né?

Tivemos representantes de diversas cidades, além da já tradicional São Paulo, tivemos gente do Rio de Janeiro, Curitiba, Brasília, Florianópolis e até de Vitória!

A capital Brasília mais uma vez mandou seus representantes em busca da vaga para o Winter Court

Outra cidade que retornou em 2019, foi Florianópolis, que trouxe mais representantes do que em 2018.

O torneio

O torneio contou com 6 rodadas de suiço, com corte para dia 2 de todos os jogadores que fizeram uma pontuação de 4-2 ou melhor.

No dia 2 tivemos um “pré-cut”, em que dos 14 jogadores classificados deveriam sobrar apenas 8 para dar início ao top8.

Ao final do dia, tivemos o representante do Escorpião de São Paulo, Thiago Fonseca como grande campeão nacional de 2019, premiando uma temporada impecável com vitórias no Elemental Championship de São Paulo e no Weekender organizado pela sempre ativa comunidade de jogadores do Rio de Janeiro.

Thiago Fonseca com seu playmat de campeão e o convite “do Imperador” para participar do Winter Court, o mundial de Legend of the Five Rings.

Além de ter ganhado o torneio, o Thiago Fonseca mostrou que realmente o Escorpião faz o que for necessário para o bem de Rokugan e adicionou “no braço” todas as rodadas no Lotus Pavilion, agora temos este incrível evento documentado!

Graças ao esforço do nosso honorável campeão, conseguimos ver algumas estatísticas do evento, entre elas, a distribuição de clãs, que mostra que o recente título mundial vencido pela Fênix popularizou de vez o clã, sendo o mais jogado com 7 representantes:

Garça e Caranguejo seguiram o clã guardião da alma do imperador de perto, com 6 representantes cada. Na outra ponta, temos o Leão, sendo jogado pelo seu mais leal jogador, o campeão do ano passado, Leandro Ferreira.

No meio da estatística temos o clã do campeão Escorpião, e o Unicórnio, que ano passado foi o clã com mais representantes e neste ano teve uma leve queda.

Sim, a tradição dos Unicórnios uniformizados em nacionais continua!

Muito interessante ver como ficou equilibrada a distribuição dos clãs, e com o lançamento breve do pack Leão, esperem ver esta distribuição ainda mais equilibrada.

Importante lembrar que tivemos um representante de cada clã no dia 2, e apenas o Unicórnio não teve representantes entre o top8. Já no top4, cada jogador estava com um clã diferente. O que mostra o quanto o meta do jogo está saudável e com variedade, coisa rara de se ver em outros jogos.Se você ficou curioso para ver as decklists ou ver um report sobre outro ponto de vista, recomendo uma olhada na postagem feita pelo pessoal do Olaria Dojo, que fez também um excelente compilado sobre o evento.

Além disso, o canal Way of Candango também comentou um pouco do que foi o evento, o vídeo pode ser visto a seguir:

Saldo final

Prós:

  • Pontualidade para o começo das rodadas, sem atrasos e imprevistos durante o evento.
  • Espaço muito bom, confortável e sem aperto. Tanto a chegada quanto a saída do evento foram super tranquilas.
  • Nosso Marshall, Henrique Miyamoto, que optou por não jogar o evento para ajudar na organização, coisa que foi fundamental para o sucesso do evento.
  • Comunidade como sempre impecável, e mesmo sendo um torneio nacional, todas as partidas foram em um clima leve e amistoso.

Contras:

  • A não utilização do Lotus Pavilion no dia do evento, dificultando o acesso aos pairings e a classificação geral. Não era possível por exemplo verificar com facilidade se os seus resultados foram postados corretamente.
  • A Prize Wall ficou abaixo do esperado, com preços inflados e fora da realidade para alguns itens e sem itens exclusivos para o evento.
  • A grande desorganização no pré-evento que acabou prejudicando o “espetáculo”.
  • Poucas opções para se alimentar, sendo as alternativas disponíveis bem caras. O intervalo para o almoço também poderia ser um pouco maior.

 

Para mais fotos do evento, é possível acompanhar no Flickr da Galápagos Jogos.

BANZAI!

Compartilhe: