Turno Zero

Notícias Completas mundo

Campanha contra a vacinação contra poliomielite e multivacinação terá “Dia D” neste sábado

A campanha contra a vacinação e multivacinação contra poliomielite segue até 30 de outubro, de segunda a sexta-feira, das 8h00 às 16h30, em todas as unidades de saúde. Iniciativa vai se fortalecer: Secretaria Municipal de Saúde realizará Dia D com 19 unidades de saúde abertas (verifique a tabela abaixo) para facilitar às pessoas que não podem frequentar as unidades durante a semana.

Na primeira semana da campanha, 1.466 crianças foram imunizadas contra a poliomielite, o que corresponde a 6,37% da cobertura até o momento. Entre 5 e 9 de outubro, 2.831 crianças e adolescentes menores de 15 anos também compareceram a unidades de saúde onde 4.020 doses da vacina de rotina foram administradas.

CAMPANHA As unidades de saúde da cidade neste sábado estão atendendo a população para ampliar a cobertura vacinal. (Foto: arquivo)

Os objetivos da campanha são garantir a imunização coletiva contra a poliomielite em crianças de 1 a 5 anos e atualizar a carteira de vacinação de crianças e adolescentes entre 0 e 14 anos, fortalecendo a proteção contra a poliomielite em menores. 5 anos.

Os pais ou responsáveis ​​devem levar seus filhos a uma unidade de saúde com a carteira de vacinação para que o especialista avalie as doses a utilizar.

.js">

Além da queda da poliomielite, o calendário vacinal inclui outros 14 tipos de vacinas que protegem contra cerca de 20 doenças: BCG (tuberculose); rotavírus (diarreia); poliomielite oral e intramuscular (poliomielite); pentavalente (difteria, tétano, coqueluche, hepatite B, Haemophilus influenza tipo b – Hib); pneumococos; meningococos; DTP; viral triplo (sarampo, caxumba e rubéola); HPV (previne câncer cervical e de verrugas genitais); além das vacinas contra febre amarela, varicela e hepatite A. Além disso, este ano o SUS inclui uma nova vacina, já incluída na campanha: Meningo ACWY, que protege contra meningites e infecções generalizadas causadas pela bactéria meningococo A, C, W e Y .

Saiba mais sobre a poliomielite

Quase erradicado dos países desenvolvidos, mas o vírus ainda está circulando na África e na Ásia, por isso a vacinação deve ser sistemática e repetida a cada ano.

O período de incubação do vírus varia de 5 a 35 dias, geralmente entre 7 e 14 dias.

Na maioria dos casos, a infecção pelo vírus da poliomielite pode ser assintomática. Isso não impede a transmissão porque o vírus é eliminado nas fezes e pode contaminar a água e os alimentos.

Os últimos casos registrados no Brasil ocorreram em 1989, quando o país demorou cinco anos para estabilizar a circulação do vírus. O país recebeu um certificado de controle de doenças em 1994.

Brasil registrou 30.000 casos entre 1968 e 1989

Fonte: Sociedade Brasileira de Neurocirurgia.

Alto Ipiranga

Fazenda Guanabara

Set Cocuera

Novo horizonte definido

Jardim Aeroporto / Santos Dumont

Aeroporto Garden III

Jardinagem

Layr Garden

Margarida de jardim

Jardim Nove de Julho

Espaço de jardim

Jardim Piatã

Jardim do Planalto

Jundiapeba

Ponte Grande

citação

Taboão / Lambari

Toyama

Villa Suissa

Gabriel Ana

"Estudante apaixonado. Nerd do Twitter. Viciado em bacon ávido. Desordeiro típico. Pensador. Webaholic. Empreendedor."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Previous Post A BOLA – «Jorge Jesus fez um trabalho extraordinário, mas os nossos objetivos são diferentes» (Brasil)
Next Post “Eu não machuquei Andreia Rodrigues”