Turno Zero

Notícias Completas mundo

Estuprou uma filha de 10 meses e fez uma pesquisa no Google para ver se a criança estava morta

Um técnico de futebol de 29 anos estuprou sua própria filha, uma criança de 10 meses, nos Estados Unidos.

O perpetrador, Austin Stevens, da Pensilvânia, foi acusado terça-feira de abuso sexual agravado, estupro infantil e outros crimes por colocarem em risco o bem-estar de uma criança, informa o Notícias ao Minuto.

Considerando o caso “profundamente perturbador”, o advogado do condado de Montgomery, Kevin Steele, disse que “é difícil imaginar que a morte desta criança foi ainda mais traumática”.

“A agressão sexual a uma criança é uma coisa hedionda e a inação do pai em salvar a sua vida levou à morte da criança”, acrescentou, citado pela mesma fonte.

.js">

Segundo a Fox News, a criança perdeu a consciência após ser estuprada pelo pai. O pai então recorreu à pesquisa do Google para determinar se a menina estava morta e só entrou em contato com os serviços médicos de emergência depois de uma hora. Ao chegar ao local, a equipe de resgate viu que a menina estava com sangue na fralda e morreu logo após chegar ao hospital.

Austin Stevens está agora detido na Prisão do Condado de Montgomery e terá de desembolsar um milhão de dólares em fiança se quiser ser libertado. O homem corre o risco de ser condenado à prisão perpétua.

Carlos Eduardo

"Fã de música. Geek de cerveja. Amante da web. Cai muito. Nerd de café. Viciado em viagens."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Previous Post EasyJet estabelecerá uma base sazonal em Faro na primavera de 2021 – ECO
Next Post Web Summit 2020 passa exclusivamente online | Coronavírus