Turno Zero

Notícias Completas mundo

PF investiga se a fraude no Piauí excedeu o Departamento de Educação – 27.07.2020

PF investiga se a fraude no Piauí excedeu o Departamento de Educação – 27.07.2020

A PF (Polícia Federal) diz que empresas contratadas falsamente pelo governo do Piauí encomendaram indevidamente um serviço de transporte escolar e levaram os alunos a escolas públicas em várias cidades do estado. A investigação também sugere que o modelo usado no Ministério da Educação poderia ter sido replicado em outros portfólios do governo.

A terceira fase da Operação Topique, que investiga fraudes em contratos de serviço, foi realizada nesta segunda-feira. A PF revistou a casa do governador Piauí, Wellington Dias e Primeira Dama, rejeitar Dias, ambos do PT. Um total de 12 ordens de busca e apreensão foram executadas.

Segundo as investigações, o mau atendimento resultou na morte do aluno. “Esses serviços são prestados por empresas contratadas em condições de total insegurança para os alunos que dependem do transporte público da escola. Há relatos de pelo menos dois acidentes fatais graves envolvendo crianças que usaram esses veículos inadequados que foram subcontratados pelas empresas”, diz ele. ele. delegado Albert Paulo Moura.

Também é comum no estado ver paus-de-arara (vans ou caminhões pequenos transportando estudantes em uma parte do corpo, sem segurança).

O grupo responsável pelo esquema, segundo PF, seria formado por empresários e servidores de Reyana Dias, deputada federal, e seu irmão. Eles são suspeitos de organização criminosa, corrupção passiva e ativa, lavagem de dinheiro e licitação. Até a presente data, a PF alega ter evidência de total falta de autorização no valor de US $ 51,3 milhões, mas o valor pode ser maior.

Em uma nota, rejeitar ele se defendeu e disse que aceita facilmente o desenvolvimento da operação. O deputado acrescentou que “desde o início permanece disponível para esclarecer todas essas alegações” e que, durante o exercício à frente da Secretaria de Educação “, sempre atuou de acordo com a lei, com o objetivo de melhorar os índices educacionais e ampliar o acesso à educação para o povo. Piauia “.

O governador não está sob investigação, mas lamenta o “espetáculo”

O governador Wellington Dias não foi investigado. Ele disse em uma nota que havia “outro show em nome da investigação”. “Essa operação já é a terceira questão, um processo que vem de 2013, quando eu nem era governo, e em contratos que seguiam o padrão nacional, pagamento por quilômetro percorrido”, afirmou em nota.

Segundo ele, quando rejeitar assumiu a secretaria de educação em 2015, as aulas deveriam começar em fevereiro, os contratos expiram e com base em assessoria e leis técnicas, como não há necessidade de prejudicar os alunos que precisam de transporte escolar, o contrato foi renovado, dando tempo para novas ofertas e novos contratos.

.js">

Segundo o enviado, até o momento o valor do desvio se aplica apenas às investigações de três procedimentos de licitação em 2015 e 2016. “Essas mesmas empresas até o momento possuem contratos, assinados em 2019 e 2020, que excedem o valor de R $ 90 milhões. Estão em operação no país desde 2008. . ”Diz Moura.

No entanto, de acordo com o enviado, é possível que o esquema tenha sido estendido a outras carteiras do governo do Piauí. “Esses concursos foram realizados dentro do Departamento de Educação e usados ​​como modelo para outros departamentos governamentais, sempre beneficiando as mesmas empresas”.

Controlar indica sinais de lances incorretos

Segundo Glauc Soares Ferreira, supervisor do controlador regional da União no Piauí, as investigações foram decorrentes de dois leilões contratados pelas empresas de transporte escolar em 2015 e 2016. “Identificamos várias irregularidades, como a desclassificação de propostas mais favoráveis ​​ao estado. “Naquele momento, a perda já era de US $ 3 milhões. Com duas fases da operação, eles identificaram perdas significativamente maiores”, diz ele.

Ferreira também alega que não é possível estimar com precisão a quantidade de danos causados ​​pelo suposto esquema. “Existem vários contratos ainda sendo assinados com as empresas que compõem esse grupo. Mas se projetarmos que temos 40% do valor supervalorizado do contrato, atingiríamos US $ 191 milhões em abril de 2020. Mas, efetivamente, temos uma confirmação de até agora R $ 51,3 milhões.” , ele afirma.

Além disso, de acordo com o supervisor, imediatamente após as primeiras etapas do trabalho, o governo do estado reduziu o valor pago às empresas de serviços, mas, ao contrário do que as agências de controle recomendavam, as empresas também reduziram o serviço prestado aos alunos – deixando os alunos em apuros.

Para a delegada Milena Soares, que preside as investigações de PF, o foco da nova operação era aprofundar a investigação sobre a participação e conduta de funcionários públicos no setor financeiro do setor educacional e responsáveis ​​pelo pagamento de contratos.

“Esses contratos superestimaram valores e baixa execução durante a prestação de serviços. Agora, queremos ratificar a tese de corrupção, fraude em licitações. Hoje temos evidências significativas e nosso interesse na busca é reunir outro elemento que o deixe além de qualquer dúvida em nossas conclusões”, confirma ele. ele.

Seduc (Departamento de Educação do Estado do Piauí) disse que estava cooperando com a investigação da Polícia Federal em andamento e sempre se colocou à disposição dos órgãos de controle para esclarecer qualquer questão “, com vistas à transparência e ao bom funcionamento da administração pública”.

Daiana Juli

"Típico viciado em internet. Empreendedor. Leitor. Amante da web. Pensador. Futuro ídolo adolescente. Estudioso de Bacon. Aficionado por música."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Quem é o vilão de ‘O Diabo Veste Prada’? Os amantes do cinema estão repensando os conceitos – 27/07/2020
Previous Post Quem é o vilão de ‘O Diabo Veste Prada’? Os amantes do cinema estão repensando os conceitos – 27/07/2020
Estudantes indianos descobriram um asteróide em órbita terrestre – 27/07/2020
Next Post Estudantes indianos descobriram um asteróide em órbita terrestre – 27/07/2020