Bispos e pastores universais em Angola assumem o controle dos templos e rompem com a liderança brasileira – 23/06/2020

Um grupo de bispos e pastores da Igreja Universal do Reino de Deus em Angola disse que assumiu o controle de 35 templos da instituição em Luanda e cerca de 50 em outras províncias do país, como Lunda-Norte, Huambo, Benambo, Benguela, Malanja e Cafunfo, na segunda-feira (22/6). .

A Universal é liderada pelo bispo brasileiro Edir Macedo e hoje está presente em mais de 95 países, com cerca de 10.000 templos. Existem 500.000 crentes em Angola.

Os religiosos angolanos declararam uma ruptura com o governo brasileiro. É um movimento sem precedentes, iniciado em novembro de 2019, com a publicação de um manifesto criticando a liderança brasileira da igreja.

A supervisão da Universal em Angola será agora, segundo o grupo religioso, assumida pelo bispo Valente Bezerra Luiz, então vice-presidente da igreja.

Dizem que a igreja no país será chamada Igreja Universal de Angola. Dissidentes dizem que já possuem 42% dos templos.

Como foram atacados pela BBC News Brasil nesta segunda-feira (22), a Universal não respondeu aos pedidos de entrevista até a publicação deste relatório.

acusações

Bispos e pastores angolanos acusam a liderança da igreja brasileira de desviar divisas, expatriação ilegal de capital, racismo, discriminação, abuso de poder, impor práticas de vasectomia aos pastores e interferir na vida comum de pessoas religiosas.

Eles também reclamam dos privilégios concedidos pelos bispos brasileiros e pedem maior respeito ao episcopado angolano.

O evento de novembro – assinado por 320 bispos e pastores – foi enviado ao líder da igreja no país, o bispo brasileiro Honorilton Gonçalves, ex-vice-presidente da TV Record.

Religiosamente eles dizem que não os compareceram. O manifesto já pediu aos líderes das igrejas brasileiras que deixassem o país para ser dirigido apenas por angolanos.

Dinis Bundo, identificado como trabalhador universal e porta-voz do grupo rebelde, reclamou dos benefícios da freira brasileira.

Segundo ele, as melhores igrejas são sempre concedidas aos brasileiros, que também se beneficiariam com bons salários e carros modernos.

Resistência

Bundo relatou que, além de 35 igrejas em Luanda, os manifestantes começaram a controlar 18 igrejas em Benguela, 14 em Malanya, 10 em Huamba e 8 em Luanda-Norte.

O grupo também assumiu o controle da Catedral Morro Bento e do Cenáculo do Patriot, os principais centros religiosos da instituição.

Houve resistência em alguns templos. Os religiosos angolanos pegaram as chaves dos prédios e no meio das discussões e empurraram os responsáveis ​​até aquele momento serem expulsos.

Numa nota divulgada aos repórteres, o corpo do pastor negou “atos de arbitrariedade” praticados em Angola na direção da Universal.

O bispo Honorilton Gonçalves, segundo a nota, diz que persegue, pune e intimida bispos e pastores angolanos.

Além da vasectomia que impõem aos pastores, as mulheres religiosas são forçadas a abortar, diz a nota.

Entre outras queixas religiosas, o documento também nega “falsificar as atas das eleições para o corpo diretivo da IURD”, emitindo procurações para cidadãos brasileiros completos para realizar atos reservados à assembléia geral, proibindo as enteadas de terem acesso a treinamento acadêmico-científico e técnico-profissional, irregularidades no pagamento de seguro social para pastores e na falta de um projeto de desenvolvimento pastoral em treinamento teológico específico.

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

TURNOZERO.COM PARTICIPE DO PROGRAMA ASSOCIADO DA AMAZON SERVICES LLC, UM PROGRAMA DE PUBLICIDADE DE AFILIADOS PROJETADO PARA FORNECER AOS SITES UM MEIO DE GANHAR CUSTOS DE PUBLICIDADE DENTRO E EM CONEXÃO COM AMAZON.IT. AMAZON, O LOGOTIPO AMAZON, AMAZONSUPPLY E O LOGOTIPO AMAZONSUPPLY SÃO MARCAS REGISTRADAS DA AMAZON.IT, INC. OU SUAS AFILIADAS. COMO ASSOCIADO DA AMAZON, GANHAMOS COMISSÕES DE AFILIADOS EM COMPRAS ELEGÍVEIS. OBRIGADO AMAZON POR NOS AJUDAR A PAGAR AS TAXAS DO NOSSO SITE! TODAS AS IMAGENS DE PRODUTOS SÃO DE PROPRIEDADE DA AMAZON.IT E DE SEUS VENDEDORES.
Turno Zero