Freixo anuncia Renato Souza para pré-candidato do PSOL à cidade do Rio – 20.06.2020

Depois de retirar sua candidatura à cidade do Rio, o deputado federal Marcelo Freixo (PSOL) anunciou o nome do deputado estadual Renato Souza (PSOL) para concorrer à prefeitura. Segundo ele, o nome de Renato ganhou uma grande maioria dentro do partido.

“É o nome mais forte do PSOL hoje. É uma deputada negra que dialoga com o que está acontecendo no mundo hoje. Ela foi eleita deputada com mais de 60.000 votos, ela se opõe. [governador Wilson] Witzel, que está em declínio ”, disse ele, que se surpreendeu esta semana quando o PDT, PSB e Rede anunciaram uma frente avançada para as eleições municipais do Rio de Janeiro.

Segundo ele, houve muitas conversas com o PDT, mas a aliança não avançou. Freixo aproveitou a oportunidade para nomear uma candidata escolhida pela Frente Progressista, a deputada Martha Rocha.

“Renata é moradora da favela da Maré e é muito compatível com o que o mundo está dizendo hoje. Ela é muito mais compatível do que os delegados, segundo Martha. Conversamos muito com o PT e com o PC B. Pena. A questão da rede, PDT e PSB – com quem não conseguimos realizar nenhuma reunião “, acrescentou.

Em suas redes sociais, a mais nova candidata à cidade do Rio, Renata Souza, comentou sobre o desafio neste sábado.

“Nas últimas semanas, fui convidado por vários camaradas e apoiadores do meu partido e da esquerda em geral para reconsiderar a disponibilidade de meu nome para a disputa eleitoral na Prefeitura (…) Considerando o momento em que vivemos, marcado pela política de morte, ódio, medo e desesperança. , é impossível não tocar na responsabilidade política e partidária e na urgência da luta pela vida “, escreveu ele.

“Sim, aceito e aceito meu nome como pré-candidato no PSOL. Um pré-registro que, se aprovado pelos órgãos do partido, trará a face, o corpo e o humor de uma mulher negra, feminista, favela e médica como protagonista da disputa pela cidade de direito. o que me levou a dizer “sim” é a certeza de que a luta pela vida da população negra e das mulheres deve ser central na disputa democrática e na luta contra o fascismo, para que possamos avançar na sociedade. e isso sempre será importante para eles! “, acrescentou.

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

Turno Zero