Governador Pará entra com uma queixa após o isolamento em Belém, em 39% – 06.03.2020

O governador do Pará, Helder Barbalho (MDB), apelou nas mídias sociais depois que o isolamento social na capital Belém caiu para um nível alarmante de 39% ontem, apenas no primeiro dia do retorno gradual da atividade econômica em 47 municípios.

“As pessoas, ontem, o isolamento social em Belém caíram para um nível alarmante de 39%. Nossa capital, que já liderava esse ranking, ocupava o 18º lugar nacional entre os estados na terça-feira”, observou Barbalho.

Barbalho defendeu-se de que, quando o processo de abertura gradual começou, deixou claro que “isso não pode ser entendido como uma liberação geral”. O governador finalmente solicitou que o relaxamento fosse feito no processo planejado.

Ontem, o retorno à atividade econômica foi intenso. O movimento, principalmente na capital Par, se aproximou do habitual, quando a cidade não foi ameaçada por uma nova pandemia de coronavírus.

Nos pontos de ônibus e no shopping, há uma grande multidão e descumprimento dos protocolos de distância social e sanitária, estabelecidos pelas normas estaduais e municipais, que permitem a recuperação gradual da economia e a prestação de serviços.

O retorno ao trabalho levou muitas pessoas de Pára às ruas e o movimento foi grande, tanto nos bairros altos quanto nos arredores, com a reabertura de 2.500 instalações comerciais que estão fechadas desde 7 de maio.

As ruas do centro da cidade estavam cheias de famílias fazendo compras, pessoas procurando bancos, comerciantes e compradores.

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

Turno Zero