Grandes momentos dos EUA no espaço – 25.05.2020

Paris, 25 de maio de 2020 (AFP) – Eles entraram na história ao levar os primeiros humanos à Lua em 1969: esses são grandes momentos das viagens aéreas americanas ao espaço.

Interrompido há nove anos, continuará em 27 de maio com o desembarque de dois astronautas dos EUA na Estação Espacial Internacional (ISS), a bordo da empresa privada SpaceX.

– O primeiro astronauta americano no espaço – Os Estados Unidos venceram a URSS para enviar o primeiro homem ao espaço, Yuri Gagarin, em 12 de abril de 1961. Mas ele conseguiu imitar parcialmente o feito quando o americano Alan Shepard realizou um vôo suborbital menos de um mês depois, 5 Maio, como parte do programa Mercury, lançado pela então jovem agência espacial americana NASA.

Alguns meses depois, o Presidente John F. Kennedy prometeu enviar um americano para a lua antes do final da década.

John Glenn seria o primeiro americano a orbitar a Terra em 20 de fevereiro de 1962 em um vôo de pouco menos de cinco horas.

– Primeiros passos na Lua – a NASA lançou o programa Apollo com a ambição de conquistar a Lua.

As seis primeiras missões não foram tripuladas e as quatro seguintes permitiram o teste de materiais e manobras. A Apollo 11 seria uma missão para pousar na lua.

“Um pequeno passo para o homem, um grande passo para a humanidade.” A famosa frase de Neil Armstrong, o comandante da missão, foi transmitida ao vivo em todo o mundo quando ele pisou na lua, às 02. 56. GMT em 21 de julho de 1969. Mais tarde, Edwin “Buzz” Aldrin foi acompanhado por ele. Michael Collins permaneceu em órbita lunar.

Mais cinco missões Apollo levaram dez pessoas à Lua antes do programa terminar em dezembro de 1972.

– Explosões de Challenger e Columbia – o presidente Richard Nixon decidiu em 1972 lançar um programa de ônibus espacial. O primeiro vôo, Columbia, ocorreu em 12 de abril de 1981.

Sally Ride foi o primeiro americano a ser enviado ao espaço, em junho de 1983, a bordo do Challenger.

No vôo 25, 28 de janeiro de 1986, o ônibus espacial Challenger explorou 73 segundos após seu lançamento, causando a morte de seus sete tripulantes.

Os vôos continuaram em 1988 com o Discovery.

Em 1990, o Hubble foi introduzido, o primeiro telescópio espacial a revolucionar a astronomia. Com a construção da ISS em 1998 – um projeto de US $ 100 bilhões, amplamente financiado pelos Estados Unidos, a sonda americana iniciou sua missão mais importante.

Os lançamentos de ônibus espaciais tornaram-se rotineiros, mas uma nova catástrofe ocorreu em 1º de fevereiro de 2003. Columbia se desintegrou ao retornar à atmosfera, matando suas sete tripulações.

– Vôos suspensos – Em 2004, o presidente George W. Bush decidiu concluir a corrida dos ônibus espaciais até 2010, o tempo necessário para concluir a construção da ISS. Após 30 anos de serviço, o último vôo ocorreu em julho de 2011.

Desde então, a NASA recorreu à Aliança Russa para levar seus astronautas à ISS.

O presidente Barack Obama cancelou o programa de constelação Back to the Moon em 2010 e anunciou o objetivo de colocar astronautas em órbita em torno de Marte até 2035 e desenvolver foguetes comerciais para transportar astronautas americanos para a ISS.

Seu sucessor Donald Trump, por sua vez, ordenou que a NASA retornasse à Lua antes de 2024 como parte do programa Artemis e preparasse missões para Marte.

paj / cds / dax / me / mb aa

ENDEAVOR INTERNATIONAL

ISS A / S

COMUNICAÇÕES DE MANUTENÇÃO

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply


Copyright © turnozero.com.
turnozero.com is a participant in the Amazon Services LLC Associates Program, an affiliate advertising program designed to provide a means for sites to earn advertising fees by advertising and linking to Amazon.com.br. Amazon, the Amazon logo, AmazonSupply, and the AmazonSupply logo are trademarks of Amazon.com, Inc. or its affiliates.
….
Turno Zero