Inter vence lanterna de Gauchão por 2-1 em jogo com grandes gols – 11.11.2016

O Internacional conquistou o segundo lugar no Campeonato Gaúcho de 2016, desta vez, muito antes do apito final, mas novamente com um pouco de futebol burocrático. Depois de garantir o triunfo na prorrogação contra o Ypiranga-RS, o Colorado venceu Passo Fundo (11) na quinta-feira (11) com 2 a 1. Gols de Eduardo Sasa e Arthur. Renan notou pelos visitantes.

A partida foi marcada por dois grandes gols no estádio Beira-Rio. O primeiro era de Passo Fundo, e Renan acertou um belo chute do meio. O segundo foi deixado nove minutos depois, Arthur acabou na borda da área e acertou o canto direito do goleiro.

Com o resultado, o Internacional alcançou sete pontos e subiu para o quarto lugar em Gauchãou – dois pontos atrás dos líderes Grêmio e Juventude. Passo Fundo, que estreou pelo Paul Porto como técnico, perdeu pela terceira vez consecutiva e permanece no centro das atenções dos campeões.

JOGOS JOGOS

Primeira vez: Com uma formação diferente, o Inter começou de uma maneira diferente. Novamente com mais posse de bola, o Colorado foi reativo. Controlando o jogo, girando de um lado para o outro, mas sem profundidade. Passo Fundo, por outro lado, encontrou buracos em uma bola morta – onde quase marcou um gol de bicicleta com Gustavo, e na distância entre as linhas. Com isso, a equipe interna acabou mais do que os outros adversários recentes no Beira-Rio.

O destaque da Internacional na primeira fase veio de uma bola morta. Alex assumiu a liderança pela esquerda, a defesa do time visitante errou e Fernando Bob deu um pulo. Ele pulou para o meio e Eduardo Sasha estendeu a mão para terminar. Alvo.

Segundo tempo: Com Aylon em vez de Vitinho, que saiu após sentir a coxa, o Inter não mudou muito. Ele seguiu com a bola, mas sem criar grandes chances. Porque é até previsível. Passo Fundo aproveitou as hesitações no Colorado, que perdeu o rumo. Renan, livre no meio, acertou um belo chute no canto esquerdo de Alisson. Cenário. Somente os proprietários devolveram na mesma moeda. Aos 23 anos, Arthur recebeu na frente da área e atirou com força. Um final violento entrou no canto superior direito do gol.

PONTOS CHAVE

Anderson no banco: titular de todos os jogos da Inter do ano, meio-campista transferido para Marquinhos. Apresentações irregulares e a idéia de respeitar as possibilidades do elenco são argumentos que podem justificar a decisão de Argel Fucks.

Ex-Milão: Lucas Roggia, promissor Inter em equipes jovens no início da década, chegou a passear por Milão (por empréstimo obtido em 2012), foi um dos reforços mais populares de Passo Fundo para o estado. Mas na Beira-Rio ele permaneceu em reserva.

FICHA DE DADOS
FUNDO INTERNACIONAL PASSO 2 X 1

Encontro: 11/02/2016 (quinta-feira)
Lugar, colocar: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Público: 10.132 pessoas (7.766 salários)
Renda: R $ 196.955,00
Juiz: Francisco Neto
assistentes: Elio Nepomuceno e André da Silva Bitencourt
Cartões amarelos: Fernando Bob (INT); Dudu (PSF)
Metas: Eduardo Sasha, 32º minuto do primeiro tempo; Renan, aos 14 minutos do segundo tempo. Arthur, aos 23 minutos do segundo tempo

INTERNACIONAL: Alisson; William, Paulão, Réver e Arthur; Fernando Bob, Rodrigo Dourado, Marquinhos (Anderson), Alex (Andrigo) e Eduardo Sasha; Vitinha
Técnico: Argélia fode

ETAPA PROFUNDA: Mateus; Tiago, Léo, Gustavo e Alisson Gaúcho; Rudiero, Nathan, Renan (Amaral) e Dudu; Jean Silva (Lucas Roggia) e Hyantony (Branquinho)
Técnico: Paulo Porto

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

Turno Zero