A estrela da Marvel fala sobre o racismo sofrido pela polícia nos Estados Unidos

Em uma entrevista recente para “The Tonight Show” com Jimmy Fallon, Don Cheadle acusou a polícia dos EUA de racismo. O ator, responsável por interpretar a heroica máquina de combate nos filmes da Marvel, disse que foi parado inúmeras vezes pela polícia e que uma arma estava apontada para sua cabeça.

Eles pararam mais vezes do que eu posso contar, com rifles na cabeça. Sempre “encaixo na descrição”. Isso acontece várias vezes. Tenho amigos que quase foram mortos pela polícia por nada. Não foi algo que ele me nocauteou quando todos os vídeos começaram a sair. Essas são coisas que sabíamos muito bem “, disse Cheadle.

O racismo foi abordado na conversa quando Jimmy Fallon perguntou sobre as manifestações de a morte de George FloydEntão o ator lembrou-se de suas experiências e contou como era sua infância.

“Muitos agressores começaram na escola, certamente motivados por questões raciais”, disse ele. “Também ficou óbvio que a polícia não estava no meu time”, acrescentou.

George Floyd, um negro de 40 anos, morreu em 25 de maio após ser imobilizado com um joelho no pescoço durante uma abordagem policial violenta na cidade de Minneapolis, Minnesota. O evento provocou uma onda de protestos anti-racismo nos EUA e em todo o mundo.

Assista à entrevista completa em inglês:

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

Turno Zero