Em busca de reforços, o Inter aposta em um atacante treinado em Gauchãou – 14.02.2016

Até a chegada de um novo atacante, o Internacional trabalhará com o que tem. E a opção do momento é Aylon. Após um contrato de empréstimo com Paysandu, ele deve se dirigir à equipe principal do Colorado pela primeira vez neste domingo (14), contra o Aimoré-RS. É uma oportunidade de ouro para o artilheiro da Divisão de Adesão do Gauchão em 2013.

Aylon nunca teve um horizonte tão claro no Beira-Rio como agora. Sem o lesionado Vitinho, chegou o espaço previsto para 2016. Ele é um dos três atacantes disponíveis para o Argel Fucks.

“Era tudo o que eu queria. Uma chance, no começo do ano. Voltei para o clube, fui para a Flórida, Flórida, e trabalho. No meu primeiro jogo, marquei um gol”, disse Aylon.

O objetivo que ele mencionou veio contra o Ypiranga-RS, no Beira-Rio. Com o pé direito, o Inter conquistou uma vitória em casa sobre o time de Erechim. Naquele dia, Aylon foi ao campo para ajudar o Colorado a sufocar os visitantes. E ele conseguiu.

Mas tudo ainda está longe do esperado. Contratado no final de 2013, Aylon chegou ao Inter após ser representado na campanha São Paulo-RS na segunda metade do Campeonato Gaúcho. Ele estava no grupo principal com Abel Braga, mas teve poucas chances.

Em 2015, ele foi emprestado a Paysandu e jogou 40 jogos por lá. Ele marcou seis gols neste período. A equipe de Belém até tentou estender seu contrato com a Inter, mas eles não ouviram não. A idéia de usar categorias maiores forçou Aylon a retornar ao Beira-Rio.

Aos 23 anos, Aylon tem a chance de brilhar em um campeonato que conhece bem. Forjado no campo, o atacante tem grandes atuações em sua biografia como atacante do movimento. Se necessário, ele deve virar o centro para frente no Inter. E ele nem quer dizer não. Tudo o que ele quer e a Argélia quer é fazê-lo funcionar.

FICHA DE DADOS
AIMORÉ-RS X INTERNACIONAL

Encontro: 14.02.2016 (domingo)
Lugar, colocar: Estádio Cristo Rei, em São Leopoldo (RS)
Cronograma: às 17h (Brasília)
Juiz: Jonathan Pinheiro
assistentes: Carlos Henrique Selbach e Michael Stanislau

Aimoré-RS: Alessandro; Mateus, Donato, Diego Rocha e Gabriel; Toto, Bruno, Danilo Goiano e João Henrique; César e Elias
Técnico: Abel Ribeiro

INTERNACIONAL: Alisson; William, Eduardo, Réver e Paulo Caesar (Geferson); Fabinho, Jair (Silva), Alisson Farias (Alex), Anderson e Marquinhos; Aylon
Técnico: Argélia fode

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

Turno Zero