Pesquisadores em Israel produzem eletricidade da usina 06/11/2020

Jerusalém, 11 de junho de 2020 (AFP) – Cientistas da Universidade de Tel Aviv conseguiram, após anos de pesquisa, gerar eletricidade a partir da usina, mostrando que elas podem ser uma fonte “limpa” de energia.

O estudo foi publicado na revista científica britânica Energy and Environmental Science e liderado pelo professor Iftach Yacoby, diretor do Laboratório de Energia Renovável da Universidade de Tel Aviv, em colaboração com o professor Kevin Redding, da Universidade do Arizona (EUA).

O estudo mostra que as plantas têm uma capacidade de produção elétrica particularmente eficiente, baseada no processo de fotossíntese.

Segundo Yacoby, todas as plantas, folhas, plantas ou algas verdes têm “painéis solares” reais e podem transformar um feixe de luz em um fluxo de elétrons. O desafio é extrair essa corrente das plantas, diz o professor.

“Para fazer o dispositivo funcionar, basta conectá-lo. No caso da planta, ainda não sabemos onde conectar. Estávamos procurando um nano plug para trabalhar com microalgas”, no qual injetamos uma enzima produtora de hidrogênio usando um biorreator, explica ele.

As microalgas foram desenvolvidas por células que continham a nova enzima, então os pesquisadores concluíram que produzem eletricidade.

O professor Yacoby disse estar convencido de que “seria uma nova era para a agricultura que, depois de alimentar as pessoas por milhares de anos, pudesse ser usada para produzir energia”.

“Achamos que havia potencial, mas não sabíamos se funcionaria e funcionou”, após quase seis anos de trabalho, disse o cientista.

“Acreditamos que muitas coisas podem ser alcançadas graças aos resultados de nossa pesquisa”, acrescentou, dado que, a longo prazo, “reduzirá a poluição no setor de transportes e na indústria pesada”, por exemplo.

No entanto, em sua opinião, levará 10 a 20 anos para conseguir isso.

alv-mib / gk / age / es / aa

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

Turno Zero